Negócios

O que é Renda Passiva? Como Funciona? Um mercado desconhecido e extremamente lucrativo

Jackson Oliveira
Escrito por Jackson Oliveira
O que é Renda Passiva? Como Funciona? Um mercado desconhecido e extremamente lucrativo
Baixe o meu livro digital gratuita e descubra:

Baixe Agora o Guia Digital que revela os 3 Passos Para Você Criar Negócios Digitais de Renda Passiva

Você já se perguntou alguma vez sobre o que é renda passiva? Eu acredito que sim, caso contrário não teria motivos para estar lendo esse artigo, estou certo? Mas indo ainda mais longe disso, pensando adiante ainda eu quero te fazer uma outra pergunta importante: Você sabe como tudo isso pode funcionar e gerar resultados? Eu espero que sim mas se a sua resposta for não, esse talvez seja o artigo que vai ajudar você a conseguir resultados astronômicos através de alguns conceitos que vou te explicar adiante.

Antes de começarmos a falar sobre o que é renda passiva, eu quero te contar uma breve história e que vai ajudar você a entender todo o resto.

Há 11 anos atrás eu conheci o mercado digital, descobri que era possível criar negócios na internet mas não só isso, eu descobri que era possível criar negócios e ainda crescer de uma forma astronômica através deles e desde então estudei diversas maneiras, modelos de negócios e pessoas diferentes para me encontrar no meio online e dentro desse percurso e dessa longa jornada, eu descobri 2 coisas:

  • A primeira é que eu realmente não sou bom com vídeos, imagens ou algo do tipo
  • A segunda é que eu prefiro escrever todo o meu conteúdo e ser o mais direto possível.

E foram através dessas descobertas que eu percebi que precisava buscar negócios que fossem muito mais o meu estilo e menos o estilo dos outros, que fossem o que eu realmente gosto e não o que as pessoas acreditam que eu deveria gostar e esta é a primeira lição que eu gostaria de dar para você. Independente do que decidir fazer adiante com o conteúdo deste artigo, faça por gostar e o dinheiro será uma consequência., principalmente no mercado de renda passiva.. E tem mais, durante o resto deste conteúdo você vai entender o motivo de eu ter contato essa simples história e como ela vai agregar no seu dia a dia.

Mas vamos começar a nossa jornada agora…

O que é Renda Passiva?

Eu sei que você está lendo esse conteúdo para finalmente descobrir “O que é Renda Passiva?” pois bem,, eu vou explicar detalhadamente o que é.

Renda passiva nada mais é do que você  ter mais de uma fonte de renda e que de referencia funcione em piloto automático, ou seja, que faz você ganhar dinheiro enquanto dorme, viaja ou faz qualquer outra coisa que você goste e acredite, ter uma empresa não tem nada a ver com renda passiva.

No mundo atual, existem 4 tipos de pessoas, sendo elas:

– O funcionário
– O autônomo
– O dono de empresa
– O investidor

Dos 4 tipos de perfis que citei acima, 3 deles estão completamente enganados e fadados ao fracasso com o tempo e tem uma explicação por isso.

Vamos imaginar uma situação agora, digamos que o seu nome seja João, ok? E você João trabalha numa padaria, acorda todos os dias de manha, volta para a cada no fim do dia e no dia 5 de cada mês recebe um salário de R$ 2 mil reais, talvez seja muito para você, talvez pouco mas esse não é o caso agora.

Acontece João que começou a crise, a padaria vai mal ou talvez seu chefe simplesmente quer demitir você e contratar o sobrinho dele, talvez a irmã ou quem quer que seja, o que vai acontecer nesse caso? Você está demitido, simples e direto e não vamos entrar em méritos de acordo, direitos trabalhistas etc aqui mas você sai da empresa simplesmente não ganhando nada, ou quando ganha é muito pouco dinheiro

Agora ainda continuando nessa situação, imagine que você trabalhe em média 8 horas ao dia, de segunda a sexta e uma média de 22 dias ao mês, o que vai dar uma média de 176 horas mensais aproximadamente.

Vamos calcular um pouco agora?

Se você tem essa carga horária total durante o mês e recebe um salário de aproximadamente R$ 2 mil reais, no fim o seu ganho por hora é de R$ 11,36 reais aproximadamente, ou seja, isso é quanto vale o seu tempo.

Ou seja, você vale apenas R$ 11 reais por hora e eu garanto que você gaste muito mais que isso em um simples pastel com coca cola.

E agora eu sei que você deve estar se perguntando: O que isso tem a ver com renda passiva, com ganhar dinheiro? A resposta é nada e tudo.

Nada pois eu estou apenas tentando ilustrar em sua mente uma história simples e direta mostrando como ter um emprego é ruim e como você ganha pouco comparado ao seu patrão que também faz um negócio ruim para ele.

Vamos  progredir em nosso exemplo, agora vamos imaginar que na mesma padaria você não é o padeiro mas sim é uma pessoa autônoma  que todos os dias leva bolos para serem vendidos naquela padaria e recebe um valor de R$ 15 reais por bolo feito e com isso tira uma renda legal todos os meses, isso é ótimo, mas vem uma pergunta simples:

Se você parar de trabalhar hoje, teria dinheiro para se manter por quanto tempo? E se o seu principal cliente parar de comprar de você? A concorrência aumentar? Você ficar doente? Se acidentar? Bom,, um universo enorme de coisas podem acontecer e isso é normal, pode acontecer com qualquer pessoa e com certeza vai acontecer um dia com você e comigo.

Depois ainda de ser um autônomo, vamos imaginar que você decidiu progredir na vida e virou o dono de uma empresa pequena co alguns funcionários, todos trabalhando ativamente e por algum motivo você ficou doente, o que vai acontecer aqui? Sua empresa provavelmente vai falir, simples assim, raras exceções de você ser um multimilionário que criou uma empresa com milhões de funcionários, conselhos e outras mil coisas mas acredito que não é o seu caso ainda, afinal se fosse dificilmente estaria lendo este artigo aqui, estou certo?

Então continuando… Você ficou doente, teve um outro problema e a sua empresa vai a falência e isso é normal aqui no Brasil, a maioria das empresas fecha em 3 anos e sabe o motivo principal? Não é o imposto, não é só leis trabalhistas e nem a crise, nós sempre tivemos isso e todos os anos surgem novos milionários e bilionários no Brasil. O maior problema das empresas fecharem, principalmente as pequenas é a mentalidade de seus donos.

Normalmente um dono de empresa se apega tanto a aquilo que criou que acaba não percebendo que na verdade ele não tem uma empresa realmente forte mas sim apenas um emprego com CNPJ para olhar, simples assim.

E o que tudo isso tem a ver com renda passiva?

Bom, agora vamos finalmente chegar na primeira parte importante do nosso conteúdo que é falar sobre os investidores, estes que sim são os tubarões do mercado e que estão sempre ganhando dinheiro, independente da situação.

Um investidor não é só aquele ganha que tem milhões na conta, um investidor é aquele que percebe que é possível ganhar dinheiro sem vender o seu tempo, sem precisar se matar resolvendo problemas de clientes e principalmente descobriu que o segredo para enriquecer é a escala e esse é o principal motivo de eu contar toda essa história.

Quando trabalhamos com renda passiva o nosso negócio é sempre ganhar escala o mais rápido possível, ou seja, investir em negócios que escalem rápido e você lucre a curto prazo já e se mantenha por meses, mais adiante eu vou explicar como fazer isso mas antes preciso te contar uma outra história.

Imagine que você tem R$ 500 mil reais e decide aplicar este dinheiro em um banco em algum tipo de investimento que renda 10% ao ano, uma média acima do mercado porém isso facilita as nossas contas.

Usando nosso exemplo ali, você receberia algo aproximado de R$ 4 mil e uns quebrados todos os meses como juros do seu dinheiro aplicado, ou seja, você vai ter uma fonte de renda passiva, limitada porém passiva.

E este é o conceito básico de um investidor. Todos os nossos exemplos anteriores são pessoas que vendem o seu tempo em troca de dinheiro e o investidor faz ao contrário, ele investe o seu dinheiro para comprar o tempo de outra pessoa e como consequência ganhar mais dinheiro.

E agora que você entendeu todo esse conceito de tipos de pessoas, é hora de você entender como tudo isso se aplica na internet.

Na internet funciona similar ao mundo tradicional, porém ao invés de investir o seu dinheiro em aplicações de bancos, comprando imóveis ou algo similar, você simplesmente investe na criação de ativos digitais,

Se você der uma olhada na categoria “Negócios” aqui em nosso blog vai conhecer uma série enorme de ativos digitais que pode criar, inclusive mais adiante eu revelo quais são os meus preferidos.

Mas antes de ir lá, vamos conhecer um pouco sobre ativos digitais.

O que são Ativos Digitais?

Bom se chegou até aqui você já sabe o que é renda passiva mas agora é preciso que entenda também sobre outra coisa antes de continuarmos. No mundo físico nós temos imóveis, poupança e outras formas de ter renda passiva, na internet nós podemos criar ativos digitais.

Um ativo digital nada mais é do que algo que vai lhe gerar renda na internet, por exemplo, você pode criar um livro digital em PDF que ensina a fazer brigadeiro e vender ele online para quem tem interesse neste assunto.

Eu não vou entrar agora no mérito de como vender este livro digital mas quero dar alguns exemplos.

Imagine que este mesmo livro digital seja vendido á um valor de R$ 27 reais e que você consiga fazer 1 venda ao dia, ou seja, já teria uma fonte de renda.

Agora imagine uma segunda situação, que você tenha 5 livros digitais em outros segmentos e que vendem diariamente também, neste caso irá ganhar ainda mais dinheiro, certo? Pois bem, este é o conceito básico de um ativo digital.

Entendendo este conceito básico, você precisa entender que quanto mais ativos criar, mais dinheiro vai ganhar e como consequência precisa trabalhar para expandir eles constantemente e isso vai lhe gerar um acumulo de capital.

De uma maneira bem grotesca falando, você vai começar a enriquecer pois está acumulando cada vez mais fontes de renda e diferente do meio físico onde tudo custa milhares de reais, na internet é possível fazer com muito menos dinheiro e esforço, afinal o preço de construir um livro digital por exemplo é quase zero e além deste tipo de ativo digital, existem outros similares que o custo é baixo também, sendo que alguns eu ainda irei citar neste artigo.

Mas para ilustrar melhor tudo isso, pense o seguinte, se você tem um imóvel alugado, irá receber o dinheiro de 1 aluguel, certo? Porém se tem dois imóveis, irá receber o aluguel de 2 imóveis e assim por diante, no mundo digital é a mesma coisa. Quanto mais ativos tiver, mais dinheiro irá ganhar.

E agora que você deve saber já o que é um ativo digital, é hora de partir para mais um passo na criação de seus ativos.

Quais os melhores modelos de renda passiva?

Antes de começar a falar sobre os melhores modelos, eu preciso falar algo importante e que sem isso você não vai crescer que é: Diversificação e processos.

Henry Ford, o criador da marca Ford criou o processo de montagem de veículos no século passado e é graças a ele que hoje nós produzimos centenas de produtos em  fábricas, todas seguem a mesma ideia básica no qual ele ajudou a criar e mesmo passando tantos anos após a sua morte e com toda a tecnologia que nós temos hoje ainda se permanece atual e este é o principal conceito da renda passiva.

Além de você criar os seus ativos digitais é preciso que crie processos que será seguido e com o tempo otimizar esses processos.

Os processos em si servem para lhe dar um caminho a seguir, um passo a passo que vai levar você de A para B, em tese é simples, você vai criar algo que seguirá constantemente para que assim consiga resultados, simples e prático.

Entendendo o conceito de ter processos definidos para a suas atividades e ter criado seus hábitos é hora de conhecer os melhores modelos de renda passiva.

A nossa lista vai seguir em ordem de lucratividade, do mais lucrativo para o menos lucrativo, então vamos lá:

Renda com Ativos: Sem sombra de dúvida, este é um dos melhores modelos de construção de renda passiva que é quando você cria ativos digitais que são vendidos a um preço definido por você. Por exemplo, em ativos você pode criar livros digitais que são comercializados online com entrega automática, pode comercializar uma foto em algum site, design de estampas e uma série de outras coisas do tipo.

Quando me refiro a ativos digitais, estou me referindo a qualquer tipo de produto digital que pode ser comercializado com pouco ou nenhum suporte, por isso a referencia por livros digitais já que exigem um suporte mínimo e que muitas vezes pode ser terceirizado.

Recorrência: Caso você não saiba o que é recorrência, eu explico. Recorrência é quando você simplesmente vende algo que é cobrado a cada período de tempo, como mensal, semestral ou anual por exemplo. Neste caso como é um produto que precisa ser pago mensalmente, você também recebe mensalmente ou em determinado período de tempo dependendo de como funciona o modelo de assinatura dele.

Em minha experiência e até visão de mercado, eu percebi que o prazo médio de um usuário em uma ferramenta é de 1 ano, isso dependendo do segmento de mercado que atua e em raras exceções passa deste período, porém dependendo de sua lucratividade pode ser interessante trabalhar com este modelo de negócio.

Ao analisar este modelo de negócio você precisa ter em mente duas coisas.

A primeira é a questão de quanto você lucra por usuário, no caso de ser afiliado ou algo similar de uma ferramenta, já sabe a sua comissão exata e isso facilita consideravelmente o seu trabalho, afinal não terá problemas com suporte, em arrumar bugs, erros e nada similar, sua única preocupação é vender e quanto mais usuários conseguir indicar para ela, melhor vai ser.

A segunda coisa que você precisa ter em mente também é que muitas ferramentas tem um curto período de assinatura para o usuários, normalmente ferramentas que os usuários migram com facilidade geram este problema, pois os mesmos podem simplesmente sair delas sem se preocupar e ai todo o seu trabalho não valeu nada e para evitar isso o ideal é focar em ferramentas e serviços como hospedagem de sites, gestores financeiros, CRM, plataformas de sites e similares onde o usuário permanece na mesma por um grande período de tempo.

Co-Produções/Parcerias/Royalts: Este é um modelo de negócio interessante e até lucrativo mas como depende de mais de uma pessoa as vezes pode se tornar um elefante branco em sua vida. Neste modelo de negócio o seu foco principal é criar parceria com outras pessoas em busca de terem algum produto em conjunto. Por exemplo, vamos imaginar que você tenha alguma habilidade, como locução, designer ou algo similar, neste caso pode fazer parceria com outras pessoas e criar ativos digitais e compartilhar os seus ganhos

E claro, além destes 3 modelos de renda passiva ainda existem uma série de outros, como por exemplo dropshipping, terceirização de freelas, criar aplicativos para celular etc mas isso já é conteúdo para um outro artigo.

Independente do modelo que você escolher, uma coisa é verdade, o seu foco, sua dedicação e a sua organização de produção em escala é o que vai definir os seus resultados.

Então agora que você já chegou até aqui e entende os principais modelos básicos de renda passiva é hora de avançar.

O que eu preciso fazer antes de começar a me envolver com Renda Passiva?

Antes de se aventurar no ramo de renda passiva você deve primeiro entender todo esse conceito que leu antes, reler pelo menos umas 3x e até buscar mais informações sobre o assunto para que possa estar sempre um passo adiante do mercado.

Partindo da ideia de entender o conceito, chega um segundo momento importante que é ter foco em apenas uma única coisa, pois apesar de ter mil e uma oportunidades em negócios digitais focados em renda passiva o que irá acontecer é que caso faça muitas coisas ao mesmo tempo sem ter foco ou metas antes de iniciar a próxima irá provavelmente estar fadado ao fracasso ao começar algo e não concluir.

Além de tudo isso você precisa seguir uma metodologia, um processo que possa ser multiplicável para que com isso tenha bons resultados, não existe melhor ou pior método, isso depende única e exclusivamente de você e de como se adaptar melhor no dia a dia.

Então, lembre-se de seguir estes 4 passos:

  • Foco
  • Método
  • Produção
  • Escala

Seguindo estes elementos, as chances de obter melhores resultados serão maiores do que a média, afinal estará fazendo algo que realmente tem sentido e está organizado.

Quais fontes de renda passiva dão resultados mais rápidos?

Bom, existe diversos formatos de renda passiva e até meios de conseguir isso, porém os que mais recomendo envolvem a produção de livros digitais, sendo eles:

Livros Digitais na Amazon: Neste caso você deve publicar e-books na maior livraria do mundo, no caso a Amazon e recebe 70% de cada venda realizada, algo que é bem prático e simples fazer e inclusive ensino isso em meu artigo “Como Publicar um Livro na Amazon

Produtos Digitais: Criar produtos digitais como ebooks, software e similares também pode ser extremamente lucrativos e eu recomendo que você leia leia o meu artigo “Como Criar um Produto Digital e Vender na Internet

Em ambos os artigos você vai ter o acesso a um conteúdo direto sobre como criar duas fontes de renda extremamente lucrativas de baixo custo e que pode fazer sem a necessidade de grande ajuda.

E o nosso gatilho final…

E agora que você chegou até aqui é hora de colocar em prática tudo o que viu antes e principalmente ler os dois artigos que recomendei antes e comece pelo meio que mais se identificar.

Mas antes de sair deste artigo, tome a primeira atitude positiva, deixe o seu comentário neste artigo e comente qual fonte de renda passiva você tem interesse em aprender, qual deseja ver mais artigos aqui no blog e principalmente me responda uma coisa. O que motiva você a aprender sobre renda passiva?

 

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php